• Edital de Sementes Crioulas
  • Edital de Sementes Crioulas
  • Novs sedes e visturas reforçam segurança no Sudoeste
  • Dia D

Notícias

24/07/2017 10:40

Governo do Estado lança em Ilhéus a Estrada do Chocolate

O vice-governador e Secretário do Planejamento (Seplan), João Leão apresentou o projeto de implantação da Estrada do Chocolate em Ilhéus, no sul da Bahia, durante o Festival Internacional do Chocolate e Cacau - Chocolat Bahia 2017. No roteiro, os turistas conhecerão a cultura do cacau e a produção do chocolate, por meio de visitas a fazendas existentes ao longo da BA-262, com sítios históricos, rios, cachoeiras e áreas de preservação ambiental.

Este será o primeiro roteiro turístico temático da Bahia e, inicialmente, vai abranger os municípios de Ilhéus e Uruçuca. O projeto foi lançado no sábado (22), com as presenças dos secretários de Turismo, José Alves, e Desenvolvimento Rural, Jerônimo Rodrigues, além do coordenador do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, Jonas Paulo, do diretor de Planejamento Territorial da Seplan, Luiz Gurgé, o coordenador da Costa do Cacau Convention Bureau, Marco Lessa e representantes dos municípios da região.

Na apresentação do projeto, João Leão destacou que existem cidades no Brasil e no mundo que não produzem uma única amêndoa de cacau e vivem exclusivamente do chocolate “O Governo da Bahia está somando esforços com os empresários e outras instituições, como prefeituras e universidades, no sentido de impulsionar a produção de chocolate e fazer com que essa região se torne um polo de atração de investimentos, impulsionando o turismo e a economia como um todo”.

O roteiro começa a operar a partir de agosto. Ele inclui ainda as fábricas do parque moageiro de cacau, no Distrito Industrial de Ilhéus, fazendas/fábrica de chocolate gourmet, fazendas de cacau com acervo histórico-arquitetônico, Estação Rio do Braço, arquitetônico da sede do antigo distrito de Ilhéus e a Biofábrica do Cacau.

A Estrada do Chocolate também lembra os cenários da obra imortal do escritor Jorge Amado, conhecida em todo o mundo. “Essa é uma região única, com uma cultura e história que giram em torno do cacau e que vamos transformar também na região do chocolate de origem”, acrescentou Leão.

Desenvolvimento regional

O secretário de Turismo explicou que “as pessoas que visitarem o sul da Bahia poderão conhecer todo o processo, de cultivo, colheita, preparação das amêndoas e produção do chocolate, adquirindo marcas de qualidade”. Jonas Paulo lembrou que “a meta do Governo da Bahia é a retomada do desenvolvimento regional, e a Estrada do Chocolate é estratégica porque atua como polo difusor da produção verticalizada, além do forte atrativo turístico", destacando o casamento entre as belezas naturais da região e o sabor do chocolate premium.

Já Jerônimo Rodrigues ressaltou que “a Estrada do Chocolate abrange várias propriedades da agricultura familiar, que vem recebendo recursos do Governo do Estado para capacitação e ampliação de toda a cadeia produtiva. O nosso diferencial será a amêndoa de qualidade, o chocolate de origem e o respeito ao meio ambiente com a conservação da Mata Atlântica.”

Com apoio do Governo da Bahia, o Festival Internacional do Chocolate e Cacau reúne cerca de 80 expositores e apresenta 40 marcas de chocolates finos. O evento foi realizado até domingo (23), no Centro de Convenções de Ilhéus.

Sistema Viário Oeste – SVO

O Sistema Viário Oeste (SVO) visa criar um novo vetor de desenvolvimento no estado, impactando 250 municípios da Bahia. Além da construção de uma ponte com cerca de 12 Km de extensão entre Salvador e a Ilha de Itaparica. O projeto prevê uma série de intervenções para e melhoria da infraestrutura viária da região, dentre elas: A requalificação da BA-001 na Ilha de Itaparica e construção de uma via alternativa para tráfego pesado; a duplicação da Ponte do Funil, entre Vera Cruz e Jaguaripe; a duplicação da BA-001 e BA-046 até Santo Antônio de Jesus e a construção de um trecho de rodovia entre Santo Antônio de Jesus e Castro Alves e entre Castro Alves e a BR-116.

Agenda de Territorial – AG-TER

Na ocasião o vice-governador apresentou a Agenda de Desenvolvimento Territorial da Bahia -A AG-TER, uma ação do Governo do Estado da Bahia, que visa integrar esforços e articular entidades financeiras, instituições de ensino superior e tecnológico, agências de fomento e de apoio a pequenos e médios empreendedores, consórcios públicos intermunicipais, órgãos federais, estaduais e municipais, dentre outros. Sob a coordenação da Seplan, esta ação tem como um dos seus principais objetivos acelerar o desenvolvimento econômico dos Territórios de Identidade. Busca também a promoção de uma cultura empreendedora, a integração de mercados, além do estabelecimento de uma visão de futuro compartilhada, com vistas ao desenvolvimento territorial sustentável.



Com informações da Secom

Fonte: Ascom Seplan

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.